Petecão pede a ministro que obras de creches inacabadas sejam retomadas com urgência

O senador anunciou ainda que no início do próximo ano duas escolas cívico-militares estarão em funcionamento em Cruzeiro do Sul e Senador Guiomard.



Implementação de duas escolas cívico-militares em Cruzeiro do Sul e Senador Guiomard e a retomada de obras para a finalização de seis creches no Acre. Esse foi o tema da reunião entre o senador Sérgio Petecão (PSD), coordenador da bancada acreana, e o ministro da Educação, Abraham Weintraub.


Inúmeras creches foram iniciadas no Acre entre 2013 e 2014. Porém, ficaram inacabadas por falta de repasses e lentidão burocrática. As creches foram iniciadas por meio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e, após pedido de Sérgio Petecão as obras serão retomadas pelo Ministério da Educação (MEC).


As creches priorizadas pelo ministério estão localizadas nos municípios de Senador Guiomard, Santa Rosa do Purus, Rodrigues Alves e Tarauacá.


Petecão disse que o fato de as obras estarem inacabadas representa um descaso com o dinheiro público. O longo prazo de espera para a conclusão da obra tende a danificar parte do que já foi construído. “Se não tomarmos uma providência, restará apenas o esqueleto das obras no qual não será mais possível sequer o reaproveitamento”, disse o senador.


O MEC executará um pente fino no projeto das obras a fim de que as obras no Acre sejam concluídas com celeridade.


Escolas cívico-militares


Já nas férias escolares deste ano será dado início à implementação das escolas cívico-militares nos municípios de Cruzeiro do Sul e Senador Guiomard. Ambos os municípios foram selecionados pelo Ministério da Educação (MEC) para o projeto modelo do Programa Nacional de Escolas Cívico-Militares.


Os envolvidos com o programa passarão por uma capacitação promovida pelo MEC. “No próximo ano, as aulas já serão iniciadas com o novo modelo cívico-militar. Nas próximas semanas será dado início à capacitação de pessoal para o projeto” afirmou Sérgio Petecão.

© 2019 Senador Sérgio Petecão -  Desenvolvido por Linnyki Fernandes